terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

A de afinidade

Jéssica em vários momentos (de 31 jan. a 2 fev. 2009).

E no lance do alfabeto (parte 2 - a missão...rs) é bom iniciar com alegria, com amizade, com amor amigo, com AFINIDADE.
Afinidade é, na minha forma de entender, um sentimento muito mais difícil que apregoam por aí, já que tão banalizado, assim como o “eu te amo” (mas isso é papo pra outro post).
Eu, Rosaninha Tibúrcio, tenho afinidade não por pessoas que concordam comigo em tudo; muito antes pelo contrário, adoro uma percepção diferente da que eu tenho por parte de quem gosto e admiro; já que pra mim é impraticável ter afinidade com quem não gosto e admiro.
Eu senti uma imensa afinidade com Jéss. Num ou noutro aspecto pensamos diferente: como assim, a pessoa não gosta de cebola, já que cebola é vida?
Na forma de acreditar no amor, na amizade, nos relacionamentos profissionais e familiares, somos muito parecidas.
Jéssica, essa menina que veio nos visitar; que chegou aqui no sábado pela manhã e foi embora na segunda à noite; que espalhou um sorriso farto e doce e um olhar inquietador, seguro e amoroso; que contou casos hilários; que tem as meias mais coloridas e “normais” do mundo; que sabe fazer suco; que viu o programa Ensaio com Caê, todinho comigo; que me deu o DVD “Prenda minha”; que me mandou vários boletins de viagem... deixou um vazio nesta casa e já uma saudade imensa no meu coração.
Essa menina, que bem poderia ser minha filha, sabe ouvir como uma mãe ouve um filho – e essa troca de papéis só ocorre quando há, entre duas pessoas, uma relação de carinho, dedicação, amizade: afinidade.


5 comentários:

Haline disse...

E os visitetes ficam com gostinho de vontade ao ver a fotos e os sorrisos.
Deve ter sido um fim de semana MÁ-RA.

Grande Beijo!

umdiasereieumesma disse...

Que delícia de descrição você fez da Jéss. Quero passar uns dias nessa casa que é tudo de bom.

umdiasereieumesma disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jéssica Amorim disse...

Resolveu me deixar tooooda com olhos cheios d'agua? Conseguiu!
Amei que a primeira letra do alfabeto parte II foi nossa afinidade.
Obrigada, por tudo lindo que escreveu aqui. Saiba que o carinho, respeito, confiança e dedicação são completamente recíprocos.

"Essa menina, que bem poderia ser minha filha, sabe ouvir como uma mãe ouve um filho"
Sempre viu!!!!
Beijos

ps.: me aguarde com meu post!

rafa disse...

Mainha!
Diz pra mim que a sra me apóia e me admira e que temos tanta afinidade!

(momento ciumuinho!!!)