domingo, 6 de abril de 2008

Charada??

Charadas, enigmas, ambuiguidade, silêncios irritantes, nada disso me atrai.
Aliás, me irrita... profundamente.
Tenho uma amiga que está passando meio pelo que eu passei há alguns anos...rs
Ela se casou, pela enésima vez (convenhamos que a bichinha é crédula), e esse marido dela tem o "defeito" que o meu ex tinha: ficar horas, dias sem conversar, sem indicar um "a" do porquê daquele silêncio medonho.
Tive que rir, tadinha, pois ela acha que o seu "jeito amoroso" fará com que ele mude. Nem desenhando ela vai entender que não...
Essas pessoas, como o seu maridão, fofíssima (dizia eu a ela, hoje ao telefone), são extremamente narcisistas e se consideram corretas até o fim, e nos consideram meio idiotas por não adivinhar o que pensam e sentem.
Inda bem que minha fase passou... mas "mexe e vira" inda esbarro com pessoas que se sentem no direito de fazer com que eu seja obrigada a adivinhar o que lhes vai pela mente e coração.
Ahhh, tô muito gripada e sem tempo pra charada!!!
Fazfavô!!!
Força L... força! haha (desculpe-me... mas inda é a minha risada de hoje, ao telefone, que ecoa...)
.
.

2 comentários:

rafa disse...

A gente já sabe que o nome da fulana começa com "L"!
hahahaha

euzinha Rosana. disse...

Ando mais discreta com os nomes de minhas clientes, agora só coloco iniciais. Filhos, amigos de blog eu boto nome e sobrenome...rs