sábado, 1 de março de 2008

Melhor é: te devorar.

Como estou num momento bem mais "Djavan", preciso deixar pra trás o momento desabado.
Algo mais coerente com a canção que escolhi para tocar - por esses dias - no meu espaço.
.
Tão bom lembrar coisas boas e, sobretudo, desejar coisas boas, melhor que se apegar ao ruim.
Por isso prossigo no:
.
Teus sinais
Me confundem
Da cabeça aos pés
Mas por dentro
Eu te devoro
Teu olhar
Não me diz exato
Quem tu és
Mesmo assim
Eu te devoro...
(...)
.
BOM!!!!!!.
..

Um comentário:

Filhote disse...

Vergonha do atraso das leituras daqui!
Jisuis!
Vim buscar certos contextos e quando chego, Djavan...
Alguns sinais tem me confundido também...
hehe

beeijooooo