segunda-feira, 23 de julho de 2007

Um jeito simples, prefiro.

Mais uma vez reafirmo: prefiro escrever bem "simplinho", bem comum, do que sofrer para só assim, escrever lindamente, como tanta gente escreve.
Por que a dor nos inspira?
Que me respondam os escritores sofridos...
Eu quero mais é ser feliz.
Simples assim!!!


Bom, talvez me falte capacidade!
Aiiii, amo ser incapaz... hehehe
.

7 comentários:

Paula disse...

a nãoooooooooooo

meu comentário foi comido, por essa pagina sem coração


HUMPF

eu quero meu comentário de volta

Paula disse...

Vamos la ele sumiu mesmo...

Rosanita cheguei, para tumultuar. se vc achar meu comentário perdido, vc da um desconto ta..

Então to adorando esse espaço aqui e sobre o que vc escreveu das pessoas terem tendencias a infelicidade e sofrimento, acredito que por conta disso é mais fácil fazer drama do que comédias, pois há mais propensão ao choro do que aos risos

eu reafirmo minha tepria furada. hehee

e claro vamos rir juntos ne

beijão

Paula disse...

nossa é teoria furada

teoria furada

heheheheeh

um alguém disse...

bem longe de ser escritora, e muito menos sofrida (porque penso que há mais pessoas craques nisso do que "muáh" rs), mas eu penso que dor inspira porque nos leva a um momento de brotamento, de tudo. aí as palavras aproveitam e brotam dos dedos, da boca, ou ficam só perambulando nos pensamentos.

Rosa que sana disse...

coisa mais linda dessa minhas duas queridíssimaaaaassssssss
amo, amo e amo!

Luiz disse...

Hmmmm... a dor nos inspira porque é uma das poucas coisas verdadeiras que sentimos. No meio de tanta dissimulação, difícil simular a dor.

rafa disse...

Sabe que eu tb prefiro???
haha

A sra é muito sabida!
beijo, mainha!