terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Reforma na vida

E muito do que me angustiava era reflexo da casa. Da casa que aos poucos foi deixando de ser acolhedora (digo acolhedora de piso, parede e teto, pois noutros aspectos sempre será, porque sou) e foi se tornando insegura, feia.
E ganhei uma reforma. Ganhei do meu pai, porque minha irmã contou meus perrengues pra ele e minha outra irmã arrumou pedreiro bom e honesto. 
Ganhamos, minhas filhas e eu: do teto que virava torneira aberta em dias de chuva, ao piso que provocava os tropeções e os "fedaputabucetacapeta" consequências de sangue e dor... A vida num tava fácil não seujão...
E já sem esperança nenhuma pra esse 2011 eis que tudo fica claro, e claro em meio à poeira, ao barulho incessante, aos espirros sem fim, aos cof cof cof da vida, aos mil copos pra lavar e trezentos cafés pra fazer (nem gosto...rs), tô eu toda feliz.
E como se não bastasse, pensando ontem em pedir sugestões à minha comadre (a que vivenciou a história do "ímpio") sobre onde colocar minha biblioteca, do nada ela me liga hoje, vem aqui e, além das sugestões excelentes, vai mandar fazer pra mim uma estante de fora a fora pra eu colocar meus livros, tv e afins (me dar de presente, sacaram?). E esta minha sala que mais me angustiava, vai ficar lindona, com os livros todos, espaço, claridade, pois as estantes antigas vão pro limbo e, ainda, com as minhas lindas almofadas, única coisa boa que atualmente tenho lá e que ganhei de presente do meu irmão há uns três anos, se não me engano e que não posso deixar de citar, por que né? Elas foram e são responsáveis por inúmeros sorrisos... 
E com essa reforma já me sinto com vida igual, porque o que já joguei de coisas imprestáveis fora, cês não estão entendendo, inclusive os pensamentos ruins. Agora é só amor, Brasil!!!! 
minha quase ex-sala de tv/biblioteca - aguardem a nova 

A esperança existe, minhas gentes... podem acreditar!  Aproveito e dou uma sugestão assim, de graça, pois sou muito boUUUa: lista de presentes dá certo, por que né? A impressora eu ganhei do meu outro irmão e agora a reforma da casa... Quer saber? Tô de boa com esses, o que vier agora é lucro; ou seja, cês podem me dar uma viagem à Paratí, um... uma... ( tá, continuo não prestando...hauahuahs).

Obs.: melhor família do mundo é a minha.

7 comentários:

Elis (ou não!) disse...

Ai, que delícia, hein?

Casa nova, vida nova, hein?

Rosana Tibúrcio disse...

Ôô rs

Sr.Apêndice disse...

Ah, Rosana! Que legal, tu merece! Só não reforma o teu bom-humor, não... Beijos

Karina disse...

Reformar a casa, dá uma reformada na vida da gente junto né?! E nessas faxinas no qual a gente joga tudo que não presta mais, aproveitamos e jogamos todos os pensamentos ruins... dá uma leveza na alma. Depois posta a foto da sala nova para a gente ver como ficou. Bjinhos

Rosana Tibúrcio disse...

Meninos, cutis cutis...

Palmitos e Cogumelos disse...

Rosana,
Que bom ler que há esperanças! Eu sei que há, mas as vezes fica tão difícil de acreditar...
Adoooooouuuuurrrrrroooooo estantes com livros assim, ficam chiques de mais (Apovian tem uma lindíssima na casa dela).
Gente é pra brilhar mesmo (to vendo os reflexos aqui)
Bjs
Carolzinha

Rafael Freitas disse...

Sua família é bacana mesmo. Mas eles não fariam isso se a sra não merecesse, vai?!

(Puxo o saco mesmo!!!)